dicionário de etimologia médico online que pesquisa e sugere à medida que escreve

Coração

Etimologia e origem de Coração

Do latim Cordis>Cor, coração.
Esta palavra tem várias conotações.
Para os antigos Romanos o coração era a sede da coragem.
No romantismo o coração guarda a poesia guarda a memória; afinal, quando aprendo algo de cor, estou a apre(e)nder de coração, como bem nos aponta Derrida ao trazer a expressão inglesa à discussão: to learn by heart.
De volta a coração.
Conforme mencionado o vocábulo é formado a partir do latim (cor, cordis).
Assim, etimologicamente pode ser apreendido (de cor) como sendo a sede (de conhecimento), o centro da alma, da inteligência e da sensibilidade.
A partir disso, podemos pensar que a etimologia de coração está subescrita na famosa frase de Blaise Pascal: "O coração tem razões que a própria razão desconhece", que sintetiza sua doutrina filosófica: o raciocínio lógico e a emoção.
Em indo-europeu, tem-se a palavra Kerd-, coração; em grego, Kh'r e Kardiva que correspondem apofonicamente ao latim Cor, Cordis, daí uma família etimológica portuguesa concórdia, discórdia, misericórdia - do latim e cardíaco, cardiopatia.
- do grego.
O K indo-europeu corresponde ao h inglês: kerd- > heart; está no alemão Herz.
O francês manteve o elemento latino: Coeur, écoeurer (enjoar); cordial; recors (beleguim, agente da polícia); miséricorde; accorder.
Do latim corrente o francês formou courage (< coraticum), assimilado por nós na forma coragem.
O inglês ampliou o seu vocabulário com accord; courage do francês.
Há continuidade deste elemento em italiano (core, cordiale, concordia, ricordare) e espanhol (corazon,cordial, recordar, concordia).